Com a pandemia, construção civil aposta em imóveis com espaços amplos e conectados

Tendência, segundo especialistas, é que o atendimento à preferência por esse tipo de empreendimento perdure mesmo após a crise sanitária



A pandemia de COVID-19 fez com que muitas pessoas percebessem a necessidade de ambientes amplos, todos conectados em um grande espaço. Essa é a opinião de profissionais da Arquitetura e Engenharia Civil sobre as demandas que o setor tem atendido desde o início da crise sanitária, em março de 2020. Mesmo com o avanço da imunização e a tendência de queda nos números da pandemia, os especialistas acreditam que clientes devem continuar à procura desse tipo de imóvel.

O arquiteto Luiz Mori Neto explica que a necessidade de ficar mais tempo em casa e o home office trouxeram mudanças no layout dos imóveis. Ele menciona o exemplo da cozinha, um cômodo que pede transformação para um local que tenha todos os recursos, desde churrasqueira a equipamentos mais variáveis. "A cozinha se transforma em um espaço de convívio familiar mais importante, porque as famílias ficaram mais unidas neste período de pandemia", avalia.

"Pais e filhos que não cozinhavam passaram a fazer todas as refeições juntos e neste ambiente se descobriram, já que não tinham tempo para isso devido às tarefas do dia a dia", complementa. Outra tendência, que pode ser resgatada, segundo o arquiteto, são os vestíbulos, locais de acesso para a entrada de visitas. Neles, é possível realizar a higienização. Nas entradas de serviço, segundo Mori Neto, "algo como um espaço para higienização das compras e demais objetos que chegam na casa para depois serem armazenados" pode ganhar a preferência do público.

O Engenheiro Civil Maurício W. Cunha, da Construtora Andrade Ribeiro, ainda afirma que a busca por empreendimentos que possam suprir necessidades tanto dentro dos apartamentos quanto nas áreas comuns, é cada vez mais evidente. "Os clientes têm sentido a necessidade de espaços maiores para o convívio familiar e também de espaços que ofereçam privacidade, para possibilitar o uso como home office, por exemplo".

Para os especialistas, mesmo após a crise sanitária, as pessoas devem procurar por esses imóveis, pois aprenderam que podem alternar períodos de trabalho em casa e nas empresas, o que pode manter essa preferência.



Exemplo em Curitiba

Na capital do Paraná, um empreendimento da Construtora Andrade Ribeiro foi planejado para atender a esse público. O Seventy Upper Mansion, que deve ser entregue aos futuros moradores em dezembro de 2022, está localizado no bairro Ecoville. Os apartamentos foram projetados com ambientes amplos e integrados, pensados para atender a essas necessidades. Um dos destaques é a presença dos vestíbulos e espaço de higienização das compras. "Percebemos o anseio por conforto e sofisticação em meio a pandemia e aplicamos essas ideias nesse novo empreendimento", afirma o Engenheiro Civil.

Os apartamentos possibilitam que o morador tenha seu escritório isolado para trabalhar em casa, além de salas de quatro ambientes, todas unidas em um grande espaço junto com a copa e cozinha, segundo Mori Neto, que participou dos projetos do condomínio.

Os moradores vão contar ainda com esquadrias com grandes vidros nas janelas, o que torna os cômodos bem iluminados. Essa característica, associada à proximidade do edifício com áreas arborizadas, ajuda a melhorar a sensação de bem-estar, fator que tem sito ainda mais relevante nesse momento de pandemia.

O arquiteto ainda menciona o desenho de espaços como churrasqueira e piscina, com parte coberta e descoberta no último piso do empreendimento. Ele menciona que, no local, o terraço pode proporcionar privacidade e distanciamento entre os usuários. "Isso se une ao visual da cidade ao qual todos moradores podem usufruir neste espaço como se fosse a cobertura do seu apartamento", comenta.



SERVIÇO

Seventy Upper Mansion

Localização: Rua Hamilton Olivo Brunor, 70 (esquina com Rua Dep. Heitor de Alencar Furtado, 3273)

Previsão de entrega: Dezembro de 2022

www.seventyupper.com.br



Sobre a construtora Andrade Ribeiro

A história de sucesso da Andrade Ribeiro começou em 1978, com a atuação destacada de dois jovens engenheiros, Joaquim Ribas de Andrade Neto e Erlon Donovan Rotta Ribeiro, em obras públicas e privadas de grande porte, onde já era possível ver a marca de qualidade e profissionalismo presente em todos os produtos da empresa.

Hoje, 43 anos depois, é fácil reconhecer a assinatura da Andrade Ribeiro em um empreendimento. São obras residenciais e comerciais com características especiais, que antecipam tendências no setor imobiliário da capital paranaense. Obras que são resultado de um somatório de talentos, que vai desde o fornecedor até o aperfeiçoamento constante de pessoal, passando pela escolha da localização adequada e reciclagem de material na própria obra.

Por trás de cada obra assinada pela Andrade Ribeiro, existe um compromisso que se renova constantemente com os princípios que fundamentam o trabalho da Construtora. Garantir segurança aos seus clientes, pelo profissionalismo de toda sua equipe e o vasto acervo de obras entregues e privilegiar a qualidade dos seus produtos, através dos critérios de definição e apurado padrão de execução.

Postar um comentário

0 Comentários