Hetrin realiza treinamento da brigada de incêndio

 

A capacitação foi realizada para reforçar o conhecimento dos brigadistas para atuar na prevenção de combate a emergências de incêndios

Foto: Divulgação

O Hospital Estadual de Trindade – Walda Ferreira dos Santos (Hetrin) - unidade da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) - realizou um treinamento de reciclagem dos protocolos de segurança com a equipe da brigada de incêndio, composta por 20 colaboradores. O objetivo da ação foi reforçar a capacitação dos brigadistas para atuar na prevenção e combate a princípios de incêndio nos possíveis cenários de emergência que possam vir a ocorrer no hospital.

O treinamento foi organizado pelo Serviço Especializado em Engenharia e Medicina do Trabalho (SESMT) em conjunto a brigada de emergência. O treinamento também contou com a participação do Sargento Antônio Carlos de Carvalho, do corpo de bombeiros. A capacitação foi dividida em duas etapas. Na primeira, a equipe estudou a parte teórica como os princípios e diferentes tipos de incêndio, atendimento de primeiros socorros a vítimas de diversos tipos de acidentes, protocolos de segurança dos brigadistas e das vítimas a serem socorridas, entre outros. Em um segundo momento, os brigadistas colocaram em prática os conhecimentos para uso de extintores conforme a classificação do fogo em simulação real.

O que é a Brigada de Incêndio?

 

A brigada de Incêndio é formada por um grupo de colaboradores da empresa que se voluntariam para participar das ações de combate a incêndio promovidas pela organização agindo para preservar a vida e os bens de uma instituição. Essa equipe é treinada para, em uma situação de emergência, na prestação de primeiros socorros, coordenar a evacuação do prédio no caso de incêndios e outros tipos de acidentes, orientando as pessoas e atuando também na prevenção, como a checagem de extintores, saídas de emergências e outros.

Além disso, o treinamento técnico permite que os profissionais tenham os recursos necessários para lidar com situações emergenciais, além do controle emocional para agir em situações críticas, em que o fogo pode causar ferimentos graves, danos maiores ao patrimônio da empresa ou até mortes.

 

Assessoria de Comunicação - Hospital Estadual de Urgências de Trindade (Hetrin)

Camila Braunas – camila@ecco.inf.br

Postar um comentário

0 Comentários