Parada Vendrami, empreendimento voltado a caminhoneiros e turistas, fecha parceria com Grupo Kurujão

 

      Empreendimento fica em Ponta Grossa/PR, na BR 376, com atendimento especial para caminhoneiros e turistas.



                     Irmãos Antonio e Vinicius Vendrami Malucelli, idealizadores da Parada Vendrami.

 A Parada Vendrami, centro comercial voltado a caminhoneiros e turistas, acaba de fechar parceria com o Grupo Kurujão, uma das maiores redes de postos de combustível do Brasil.

 Em construção no maior entroncamento rodoviário do Paraná, que fica em Ponta Grossa, na BR 376, o empreendimento possui 42.600 metros quadrados de área total e terá mais de 5.000 metros quadrados de área construída. É localizado estrategicamente na região do Distrito Industrial (o maior do interior do estado) distante apenas 4 km do Parque Estadual de Vila Velha, 95 km de Curitiba e 190 km de Paranaguá.

 O complexo contempla um megaprojeto pensado para atender a todas as necessidades dos viajantes. Haverá ali lojas de acessórios, conveniências, restaurante com mais de mil metros quadrados, central de reparos, estacionamento para 215 caminhões (ou mais de 80 bitrens), 5 ônibus, 210 carros e 20 motos, entre outros serviços – tudo em um só lugar. Além disso, a Parada Vendrami contará com uma Central de Cargas com 20 escritórios comerciais para transportadoras, seguradoras, cooperativas e empresas que prestam serviços aos profissionais da estrada. Todas estas áreas serão alugadas para os empreendedores montarem seus negócios.

 “O Paraná estava no nosso radar há algum tempo e veio ao encontro do que queríamos. É uma região de economia alta e estaremos perto de grandes transportadoras. Acreditamos muito na parceria com a Parada Vendrami”, diz Douglas Reis, presidente do Grupo Kurujão, que possui uma história de 30 anos, 124 postos de combustíveis ativos pelo Brasil e outros 11 em construção.

 “A Parada Vendrami será administrada como um shopping, com manutenção, segurança e iluminação. Todos os empreendedores compartilham da mesma estrutura e dividem custos, podendo focar exclusivamente em suas atividades. Então será o melhor custo operacional para instalar um negócio na estrada”, destaca Vinicius Vendrami Malucelli, sócio no projeto com seu irmão Antonio Vendrami Malucelli.

 Os empresários esperam um grande movimento, afinal, mais de 20 mil automóveis transitam todos os dias pela rodovia onde a obra está sendo construída. Vale lembrar, também, que está na rota do agronegócio – 24% de toda a produção de soja, milho e farelo de soja passa em frente à Parada Vendrami – e do turismo, sendo o principal entroncamento rodoviário do Sul. “É um local estratégico e que oferecerá um amplo atendimento. Em uma única parada o caminhoneiro poderá resolver várias questões, como: conseguir um frete, abastecer o veículo, adquirir acessórios, comprar um pneu, alimentar-se e descansar”, destaca Vinicius.

 O nome do empreendimento é uma homenagem ao avô dos sócios, o senhor Antônio Vendrami, que fez o primeiro empreendimento no local há 40 anos. “E nós víamos, há muitos anos, que não havia empreendimentos modernos na estrada. Como Ponta Grossa é um ponto logístico extremamente importante para o Brasil, resolvemos criar a Parada Vendrami”, conta Vinicius. “Quando resolvemos iniciar este projeto, decidimos optar por algo inovador, diferente, como as paradas que existem nos Estados Unidos e na Europa.”

  Agora que o cenário da pandemia ficou mais claro, parte-se para a conclusão da Parada Vendrami, cuja inauguração está prevista para maio do próximo ano.

SERVIÇO

Assista ao vídeo e saiba mais sobre a Parada Vendrami: https://www.youtube.com/watch?v=9mISfwpl1Dc

Site: www.paradavendrami.com.br

Postar um comentário

0 Comentários